Tuesday, May 20, 2014

shift

Amanhã meu filho completa 17 meses. E só depois de 17 meses começo (vejam bem, começo) a pensar que preciso cuidar mais de mim, do meu marido, enfim, de uma vida além-nenê. Não é fácil. Há 17 meses tenho uma relação simbiótica com meu filho. melhorou um pouco quando voltei a trabalhar, mas parece que por causa disso, nas horas que consigo passar com ele, quero espremer tudo, não perder um segundo. É sofrido.

O lado bom disso tudo é que minha relação com meu filho é extremamente sincronizada. Entendo ele muito bem. O lado ruim é sacrificar todo o resto.

Sei lá. Amanhã tenho médica. Da cabeça. Vamos ver o que ela diz. Estou querendo fazer o "shift" mas não sei se sozinha consigo. 

No comments: