Friday, April 30, 2004

estréia

Um mês e meio e ainda não consigo atinar. O momento da partida simplesmente não entra na minha cabeça. Parece longe demais, doí­do demais, importante demais.

Acho que agora estou começando a entender que fui eu que escolhi. E que isso é bom de entender e lembrar. Aconteça o que acontecer, volte ou não, eu quero agora. Amanhã é só amanhã. Hoje eu vou.

Monday, April 12, 2004