Monday, March 14, 2011

enough of me

This precise time and right here
Are not going anywhere
I've had enough of new todays
For once I'd like to go another way

I speak my last words and then
Remember it may never end
All that I've won I have lost
Each passing moment cuts me off

Well, I don't like to waste a chance but they're overflowing
What I don't do will get done by somebody
When I was five I saw some plants ungrowing
Whether seen forwards or back they'd keep going
They'd keep going

If the seasons which change were all still
It's so easy to see life would fail
Whatever slips out of our hands
Will find its way back to us once again


If the seasons which change were all still
It's so easy to see life would fail
Whatever slips out of our hands
Will find its way back to us once again
Will find its way back to us once again
Will find its way back to us once again
Once again.


John Frusciante apunhalando.

2 comments:

Anonymous said...

Oi Bia,
Fazia muito tempo que eu nao visitava teu blog, e fiquei contente em saber que tu ainda astás por aí, escrevendo desse jeito que faz tanto sentido para mim.
Beijo
Rodrigo (aquele das happy pills, lembra?).

Josane Mary said...

Oi, Bia, tudo certinho?
Encontrei o seu blog no ‘Mundo Pequeno’ e vim fazer uma visitinha!
MARAVILHOSO saber suas asas já te levaram à vários destinos. Parabéns!

Também sou expatriada; sai do Brasil em 2000, e desde 2003, moro na Holanda. (O choque cultural existe e acaba sendo benéfico - de uma maneira ou de outra -. Sou da opinão que existem coisas boas e ruins em qualquer lugar do planeta! Nós é que temos que ressignificá-las à nossa moda!)

Será uma alegria se visitar o meu cantinho virtual, que é: http://josanemary.wordpress.com/mevrouw-jane/

E será uma outra alegria, se quiser ler o prefácio do meu livro: Mevrouw Jane (o prefácio não foi feito por mim, mas por um outro escritor, um já reconhecido no mundo literário). Se gostar – ou não - por favor, deixe um comentário; vou adorar ler a sua opinião!

Tenha um ótimo dia, ao lado dos seus, nessa Inglaterra que conheço e adoooro! Principalmente Londres!
Grande abraço.
Josane Mary