Sunday, November 25, 2007

e de novo com vocês, Dri

"Tenho por princípio nunca fechar portas,

mas

como mantê-las abertas
o tempo todo
se em certos dias o vento quer
derrubar tudo."

Eu, que achei que a teria abandonado de vez. Acho que não, que nunca. Acho que Inverno vai sempre congelar meu coração e fazê-lo tal qual uma uva passa. Quase esqueci que o destino sempre me quis só. Mesmo quando bem acompanhada.

Num deserto, sem saudade, sem remorso
Só.

Parece que o inverno aqui está pegando. Mas eu nunca, nunca ignoro meus invernos internos. Preciso entender o que há. Porque há.

No comments: